Esqueceu sua senha?

Insira o e-mail cadastrado que enviaremos as instruções

Quer receber as notícias do
Clubeonline em primeira mão?

Seu nome deve conter ao menos 2 caracteres. Quero receber informações de terceiros ENVIAR Quero ver a última edição

Enviar por email

Seu nome deve conter ao menos 2 caracteres. O nome do destinatário deve conter ao menos 2 caracteres. Digite um email válido. ENVIAR

Site oficial do
Clube de Criação

SITE OFICIAL DO
CLUBE DE CRIAÇÃO

Acesso exclusivo para
sócios corporativos:
Esqueci minha senha
Ainda não é cadastrado?
Seja Sócio do Clube de Criação

O CLUBE

LOJA

NEWSLETTER

Últimas

por Laís Prado

Campanhas

BlindMeters

Enviar SMS ao dirigir = cegueira nas ruas e estradas

11
outubro
2018



Com a ideia de mostrar ao público quanto exatamente o motorista se distrai ao enviar mensagens de texto enquanto dirige um veículo, a Happiness Brussels (FCB Alliance) criou para a OVK / PEVR uma ferramenta chamada Blindmeters.com.

A proposta é transformar o Google Maps em um editor de texto, permitindo que o usuário escreva sobre qualquer estrada. Uma fonte especialmente desenvolvida se conecta aos limites de velocidade daquela via e se alonga de acordo com o número exato de metros que a pessoa dirigir às cegas (tente aqui).

Segundo a agência, um caractere a 90 km/h faz o motorista percorrer 19,75 metros sem enxergar. A 120 km/h, a distância percorrida chega a 26,33 metros. Por exemplo, a frase “Quase chegando”, que tem 13 caracteres, equivale a 375 metros. Mensagens mais longas rapidamente alcançam 1 km.

"Queríamos fazer com que as pessoas literalmente vissem quantos metros estão dirigindo cegas. Embora muitas saibam que isso é errado, ninguém realmente percebe quantos metros dirige sem enxergar", comenta Geoffrey Hantson, CCO da Happiness.

Esta campanha combina diferentes bancos de dados, reunidos em camadas, em um único site. "O site utiliza dados de diferentes fontes de mapas, o que nos permite reproduzir o texto ao longo das estradas, com base em imagens de satélite. Um banco de dados dá a principal camada visual para o mapa; outro nos permite usar os dados geométricos das vias, em conjunto com os limites de velocidade e outros dados importantes, para podermos ‘escrever’ sobre essas estradas. A fonte usada no site foi personalizada para poder ser alongada dinamicamente", conta Thomas Coliers, diretor de tecnologia.

Campanha de mídia promoverá a ferramenta, inicialmente na Bélgica e depois em diferentes países europeus.