Esqueceu sua senha?

Insira o e-mail cadastrado que enviaremos as instruções

Quer receber as notícias do
Clubeonline em primeira mão?

Seu nome deve conter ao menos 2 caracteres. Quero receber informações de terceiros ENVIAR Quero ver a última edição

Enviar por email

Seu nome deve conter ao menos 2 caracteres. O nome do destinatário deve conter ao menos 2 caracteres. Digite um email válido. ENVIAR

Site oficial do
Clube de Criação

SITE OFICIAL DO
CLUBE DE CRIAÇÃO

Acesso exclusivo para
sócios corporativos:
Esqueci minha senha
Ainda não é cadastrado?
Seja Sócio do Clube de Criação

O CLUBE

LOJA

NEWSLETTER

Últimas

por Laís Prado

Internet

Pesquisa VideoViewers

82 milhões de brasileiros escolhem o YouTube para ver vídeos

06
outubro
2016



O YouTube fez nesta quarta-feira, 05,  uma grande celebração pelo sucesso da plataforma no Brasil. Os resultado de uma pesquisa encomendada pela empresa, a VideoViewers, mostra que, de cada dez horas dedicadas pelos brasileiros para ver vídeos, mais de quatro são pela internet. E qual o principal nome associado a esse consumo? O YouTube, que é o meio escolhido por 82 milhões de pessoas no país. Além disso, no Brasil o YouTube atinge mais pessoas entre 18 e 49 anos que a TV a cabo, informou Fabio Coelho, diretor-geral do Google Brasil. Parte dos números desse estudo foram apresentados na festa do YouTube, que se dividiu em dois eventos, o FanFest, realizado para os fãs da marca que assim conseguem interagir com algumas das maiores personalidades do mundo digital, e o Brandcast, voltado para anunciantes, agências e criadores. A celebração da comunidade youtuber aconteceu no Espaço das Américas, começou à tarde, invadiu a noite e terminou com shows de Ludmilla, Karol Conka e a cantora canadense Kiesza.

"O Brasil é o segundo mercado do YouTube no mundo, em horas assistidas, atrás dos EUA. Mas o sucesso do Brasil tem de levar em conta que países como Canadá, Inglaterra e Austrália acompanham os youtubers americanos", observou Coelho, para ressaltar a importância do desempenho da plataforma no país. O diretor-geral do Google anunciou que mais de 1,5 mil pessoas passaram pelo evento (o segundo no Brasil), entre fãs e líderes do mercado da comunicação. Mas as atenções recaiam sobre os 120 youtubers presentes na festa, entre eles o atual campeão de popularidade na plataforma, Whindersson Nunes, que ultrapassou o Porta dos Fundos. Na terça-feira 04, foi revelado que o canal do jovem humorista do Piauí chegou a 12.650.440 assinantes, enquanto que o Porta somou 12.630.484.

Dentre os números da pesquisa VideoViewers, destaques para:

- 42% da população têm o hábito de assistir a vídeos na internet. E 37% assistem pela TV por assinatura;

- os smartphones respondem por 55% das horas dedicadas a consumir conteúdos na web;

- o tempo dedicado a vídeos online passou de 8,1 horas (dois anos atrás) para 16,3 horas semanais;

- para a maioria dos brasileiros conectados, o YouTube poderia substituir a TV aberta (59%) ou a TV por assinatura (69%);

- a palavra "vídeo" está associada às plataformas YouTube (88%), Facebook (73%), WhatsApp (65%), TV paga (33%), TV aberta (28%);

- por conteúdo, o YouTube é prevalente quando se trata dos temas música, gastronomia, humor, esportes, games, beleza e moda;

quando se refere a publicidade, 59% dos internautas prefere ver anúncios no YouTube. Em segundo lugar fica o Facebook, com 31%, seguido por websites (9%);

- em relação ao poder de recomendação, 34% dos entrevistados disseram que experimentariam um produto comentado por um youtuber contra 27% que disseram o mesmo quando recomendado por uma celebridade da TV.

A pesquisa ouviu 1.500 brasileiros entre 14 e 55 anos (classes A/B/C), que consomem regularmente conteúdo da TV em cinco capitais (Porto Alegre, Salvador, Recife, Rio de Janeiro e São Paulo) e em algumas cidades do interior paulista. A amostra representa 61% da população.

O diretor-geral do Google Brasil salientou ainda que este ano a empresa iniciou uma parceria com a Nielsen e um grupo de anunciantes para analisar dois anos de dados de vendas e investimentos em mídia (on e off). "Nesse estudo, nós vimos de forma consistente que o YouTube traz um ROI quatro vezes maior que as outras mídias. O ROI foi cinco vezes maior do que o da TV aberta e duas vezes maior do que a TV a cabo e redes sociais".

Durante o Brandcast, algumas YouTubers se apresentaram para falar sobretudo sobre a mulher. Jout Jout defendeu que a plataforma é um espaço para se trabalhar conteúdo que empodere as mulheres. Nilce Moretto, do Coisa Nerd, apontou que as mulheres já são quase metade dos gamers no Brasil. Bianca Andrade, do Boca Rosa, disse que beleza é uma das portas de entrada para o universo feminino por ser uma maneira de reafirmar a personalidade. Em seus vídeos, ela leva sugestões para quem gostaria de ter mais produtos, mas que não têm tanto dinheiro para isso. "O público quer estar junto com a gente".

Duas presenças especiais chamaram atenção da plateia. Uma delas foi Maurício de Sousa, que, usando um equipamento de realidade virtual e uma caneta digital, desenhou no ar o personagem Horácio, que foi surgindo, aos poucos, no telão, diante de todos (Maurício revelou que está em produção um longa que trará o cachorro Floquinho, mas de forma real). Outro convidado que fez uma breve fala foi o cantor Liniker, que repetiu várias vezes a frase "ache seu espaço".

O evento teve produção da Bullet. A R/GA foi parceira de conteúdo nesta segunda edição do Youtube Brandcast.
No final da festa dedicada aos fãs, a FanFest, os youtubers mais famosos da plataforma subiram ao palco para celebrar. Foto: divulgação/ Google