Esqueceu sua senha?

Insira o e-mail cadastrado que enviaremos as instruções

Quer receber as notícias do
Clubeonline em primeira mão?

Seu nome deve conter ao menos 2 caracteres. Quero receber informações de terceiros ENVIAR Quero ver a última edição

Enviar por email

Seu nome deve conter ao menos 2 caracteres. O nome do destinatário deve conter ao menos 2 caracteres. Digite um email válido. ENVIAR

Site oficial do
Clube de Criação

SITE OFICIAL DO
CLUBE DE CRIAÇÃO

Acesso exclusivo para
sócios corporativos:
Esqueci minha senha
Ainda não é cadastrado?
Seja Sócio do Clube de Criação

O CLUBE

LOJA

NEWSLETTER

Últimas

por Laís Prado

Campanhas

Preconceito não é opinião

Burger King dá voz a haters em campanha

08
novembro
2018



Com o objetivo de mostrar ao público que opiniões - positivas ou negativas - são bem-vindas, mas que o preconceito não é, a rede de fast food Burger King apresenta campanha criada pela David São Paulo.

No filme (assista abaixo), o anunciante deu voz aos seus haters, expondo críticas recebidas nas redes sociais, e destacando que são "opiniões das pessoas". Em seguida, o comercial traz diversos comentários preconceituosos de usuários, "disfarçados" de opinião. E ressalta: "Isso é preconceito".

O filme termina com a frase: "Opiniões são sempre bem-vindas. Preconceito não. #SaibaADiferença."

É a primeira vez que o Burger King se utiliza do recurso de "marketing reverso" no Brasil.

"Como marca, o Burger King entende que tem um papel importante de conscientização. Este é um assunto sério e que, infelizmente, ainda precisa ser conversado. Por isso não medimos esforços para mostrar que todos são bem-vindos e entendemos que cada um tem uma opinião diferente. Aceitamos críticas, mas não aceitamos nenhuma forma de preconceito", defende Ariel Grunkraut, diretor de marketing e vendas do Burger King Brasil.

Segundo dados do Ibope Inteligência divulgados pela David, sete em cada 10 brasileiros já fizeram comentários preconceituosos e dos 83% que se declaram não preconceituosos, 72% já fizeram algum comentário ofensivo.

"Entendemos que uma das piores formas de preconceito é aquela disfarçada de ‘opinião’. E para chamar a atenção a isso, trouxemos opiniões negativas da marca comparados a comentários preconceituosos que circulam nas redes sociais. O Burger King não tem medo de dar a cara a tapa, principalmente se for em prol da tolerância e da diversidade”, comenta Rafael Donato, vp de criação da David.

Com o intuito de dar mais força ao assunto, a marca conta com a parceria de três ONGs: AZMina, instituição que produz conteúdo sobre a luta das mulheres; CEERT, instituição voltada para a promoção da igualdade de raça e de gênero; e Associação da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo (APOGLBT).

Ficha Técnica:

Agência: DAVID SP

Cliente: Burger King

Título: BK Opinião x Preconceito

Produto: Institucional

Managing director: Sylvia Panico

VP de criação: Rafael Donato

Diretor de criação: Edgard Gianesi

Redatores: Lucas Vigliar, Bernardo Tavares

Diretor de arte: Thiago Ferreira

Produção: Fabiano Beraldo, Fernanda Peixoto, Silvia Neri, Brunno Cunha, Gustavo Viola

Edição: Rubens Angelo

Atendimento: Carolina Vieira, Rafael Giorgino, Juliana Chediac, Roberta Magalhães e Martina Adati

Planejamento: Daniela Bombonato, Carolina Silva e Bruno Gomiero

Social media: Lucas Patricio

Mídia: Marcia Mendonça, Mateus Madureira, Felipe Braga, Renata Oliveira e Carina Marcal

Inovação e Tecnologia: Toni Ferreira

Data Intelligence: Mailson Dutra

Aprovação cliente: Ariel Grunkraut, Thais Nicolau, Stephanie Pellin, Bruna Yoshida e Mariana Santos

Produtora: Movee

Diretor: Rubens Angelo

Produtores executivos: Rubens Angelo

Atendimento: Beatriz Godoy

Finalização: Rubens Angelo

Animação: Rubens Angelo e Beatriz Godoy
Produtora de som: Punch Áudio

Produtores: Mariano Alvarez

Coordenação: André Namur

Atendimento: Lili D. Aragoni

Coordenação: Karina Coviello e Mariana Borba