Esqueceu sua senha?

Insira o e-mail cadastrado que enviaremos as instruções

Quer receber as notícias do
Clubeonline em primeira mão?

Seu nome deve conter ao menos 2 caracteres. Quero receber informações de terceiros ENVIAR Quero ver a última edição

Enviar por email

Seu nome deve conter ao menos 2 caracteres. O nome do destinatário deve conter ao menos 2 caracteres. Digite um email válido. ENVIAR

Site oficial do
Clube de Criação

SITE OFICIAL DO
CLUBE DE CRIAÇÃO

Acesso exclusivo para
sócios corporativos:
Esqueci minha senha
Ainda não é cadastrado?
Seja Sócio do Clube de Criação

O CLUBE

LOJA

NEWSLETTER

Últimas

por Laís Prado

Internet

Viva Marielle

Criativos lançam bot que explica projetos da vereadora assassinada

15
maio
2018



No domingo (13), fez dois meses que Marielle Franco (PSOL) foi assassinada. No início de maio, a Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro aprovou cinco projetos de lei da vereadora, dentre os seis apresentados.

Depois de terem visto o noticiário sobre a aprovação dos PLs, quatro criativos tiveram a ideia de lançar uma fanpage. Os diretores de arte Phillipe Santos (Agência Tooc) e Julian Vilela (nova/sb), e os redatores Camilla Ferreira (MullenLowe) e Paulo Santos (Monumenta), sob a orientação da diretora de arte Lara Roncatti (CP+B Brasil), desenvolveram, então, o projeto pessoal Viva Mariellepor meio do qual um bot responde questionamentos de internautas como se fosse a própria vereadora.

Para interagir com o bot, o interessado deve acessar a fanpage, clicar em "enviar mensagem" e abrir o inbox. Lá, aparece o botão "começar". Ao clicar, a conversa se inicia e Marielle começa a "falar". Em alguns momentos do papo, o internauta responde apertando botões e, em outros, escreve o que quer saber, a partir de uma lista enviada pelo bot.

"A ideia surgiu quando nós vimos uma notícia dizendo que projetos de Marielle Franco tinham sido aprovados na câmara do Rio de Janeiro, mesmo após a morte dela. Isso nos impactou e passou a sensação que ela não tinha morrido. A partir daí, pensamos em 'revivê-la' num bot, para mostrar que ela continua presente entre as pessoas, de alguma maneira. Decidimos, então, fazer a Marielle dar detalhes dos projetos dela através do bot", conta o diretor de arte Phillipe Santos.

Confira aqui a fanpage Viva Marielle.