arrow_backVoltar

Inteligência Artificial

Discurso silenciado de JK é recriado usando sua própria voz

16.03.18

O jornal britânico The Times e a agência irlandesa Rothco (recentemente adquirida pela Accenture Interactive, leia aqui) apresentam o projeto "JFK Unsilenced", campanha que usa inteligência artificial para recriar, na voz do próprio John F. Kennedy, o Trade Mart Speech, discurso que o 35º presidente dos EUA deveria fazer em Dallas, no dia em que foi assassinado.

"The Times acredita em trazer novas perspectivas para a notícia. Mesmo que essa notícia seja uma nova perspectiva sobre algo que as pessoas achavam que já sabiam tudo o que havia para saber sobre aquilo", declara Richard Oakley, editor da versão irlandesa do The Times.

O discurso do presidente aborda tópicos como liberdade, poder e sabedoria: "We in this country, in this generation, are - by destiny rather than choice - the watchmen on the walls of world freedom. We ask, therefore, that we may be worthy of our power and responsibility, that we may exercise our strength with wisdom and restraint, and that we may achieve in our time and for all time the ancient vision of 'peace on earth, good will toward men'."

A fim de colocar a voz do presidente nos 22 minutos de texto que ele preparou para discursar, a Rothco e a empresa de tecnologia Cereproc construíram o monólogo com a voz do presidente, por meio da análise de gravações analógicas. O áudio foi finalizado pela empresa de pós-produção Screen Scene.

O processo envolveu o isolamento de 41 fonemas (sons que podem ser usados para formar qualquer palavra) para o inglês americano. Os fonemas foram unidos para resultar em pequenas unidades de fala. Além disso, as empresas envolvidas revisaram 831 gravações analógicas de discursos e entrevistas de JFK.

Também foram usadas ferramentas para remover ruídos e aplicadas técnicas como "Deep Neural Networks (DNNs)", para se chegar a um modelo de como JFK usava a entonação em seu discurso.

No momento da síntese, os modelos DNNs e a pesquisa foram utilizados ​​para se encontrar um melhor conjunto de unidades e ser criado um novo áudio de fala. Por fim, o discurso foi aprimorado por meses, até se chegar ao resultado final: o Trade Mart Speech, entregue na voz de JFK.

"Quando nos aprofundamos nas palavras que JFK escreveu para o Trade Mart Speech, descobrimos que elas não eram apenas pungentes pelo tempo, mas são impressionantemente relevantes hoje", defende Alan Kelly, diretor executivo de criação da Rothco.

A campanha "JFK Unsilenced" está sendo lançada nesta sexta-feira (16), com um filme de 22 minutos no site thetimes.co.uk. A comunicação contará ainda com estratégias para as redes sociais, peças para rádio, digital e mídia impressa.

Ficha Técnica:

Client: The Times
Agency: ROTHCO
Agency Producer: Al Byrnes
Executive Creative Director: Alan Kelly
Creative Team: Alan Kelly & Ste Rogers
Designer: Shane O”Riordan
Director of Marketing: Jill Byrne
CEO: Patrick Hickey
Operations Director: Sally Oldfield

Strategy: Paul Hughes & Kathy Troy
Client: Richard Oakley & Lynne Fraser
Production Company: Cereproc
Producer: Jenna Plant
Post House: Piranha Bar
Sound: Will Farrell @ Screen Scene

Inteligência Artificial

Discurso silenciado de JK é recriado usando sua própria voz

/