arrow_backVoltar

Natal

Comercial de Chester Perdigão causa polêmica

27.11.18

O filme "Natal Família Silva" (assista abaixo), criado pela DM9DDB para promover o Chester, da Perdigão, está causando polêmica nas redes sociais. Muitos o consideraram racista, por ter como protagonista da família carente uma mulher negra (e na mesa, de fato, haver uma maioria de pessoas negras) e como porta-voz da família abastada um branco (e na mesa, de fato, haver uma maioria de pessoas brancas).

O comercial, que integra campanha chamada "Generosidade gera Generosidade", mostra a noite de Natal da família Silva (majoritariamente negra), destacando uma mulher que agradece, emocionada, o fato de ter ganho o produto: "Quando nossa família ganhou um Chester Perdigão, o presente não foi só uma ceia bonita. Foi também o sentimento de ter um Natal especial, daqueles que a gente só imaginava. Agora essa sensação é real. Graças a você."

Em seguida, aparece um homem branco, em meio à noite de Natal da família Oliveira (majoritariamente branca), que diz: "por isso, aqui sempre tem Chester, ele é generoso no sabor, no tamanho, e, comprando um, a Perdigão doa outro a uma família que precisa."

Dentre os comentários, estão colocações como: "E a família branca novamente salva o Natal da pobre família negra que não pode comprar um Chester? - E não venham com aquele papo de 'coincidência' ou 'nós não enxergamos cor', porque se fosse assim teríamos mais famílias negras retratadas ajudando pobres famílias brancas por aí. Mas é isso, Brasil: país onde 98% da população não se acha racista, 99% conhece alguém racista e dessa forma todo mundo tem permissão pra continuar sendo". Ou: "Aqui na minha casa não vai ter Peru Perdigão, nem mais nada da marca, sabe por que? Porque eu não quero! Aqui em casa não vai entrar marca racista! Reflitam! Essa propaganda está o ó. Nem vem dizer que tem branco e preto nas duas famílias não, que essa não cola, tá. Dá tempo de refazer, hein".

Procurada pelo Clubeonline, a Perdigão enviou o seguinte posicionamento: "a Perdigão lamenta que a campanha publicitária de Natal tenha ofendido qualquer um de nossos consumidores. Nunca foi essa a nossa intenção. Falar de generosidade é, para nós, uma forma de união e agradecimento a todos os nossos consumidores, que há três anos colaboram para o Natal de mais de 6 milhões de pessoas, independente de cor, gênero, raça ou religião. É nisso que acreditamos."

Natal

Comercial de Chester Perdigão causa polêmica

/