arrow_backVoltar

Aquário Urbano

Grafite de 10 mil m² em SP aborda questões ambientais

10.10.19

O artista Felipe Yung, conhecido como Flip, e o produtor cultural Kleber Pagú estão desenvolvendo a obra "Aquário Urbano", um mural de arte urbana ao lado do Copan, em São Paulo, com 10 mil m² de grafite, e que tem o objetivo de alertar o público para questões ambientais e urbanas. 

Ao todo serão revitalizados 15 prédios e 15 empenas (paredes laterais), que receberão desenhos de temas aquáticos, como polvos, águas-vivas e peixes da Amazônia. A previsão é que a obra seja finalizada entre março e abril de 2020 e a ideia é bater o recorde do Guinness de maior mural do mundo.

A marca de tinta spray Colorgin é uma das patrocinadoras do grafite gigante.

"Para São Paulo 'virar mar' foram doados 5.500 litros de tinta de parede da marca Metalatex e Novacor e 2,5 mil tubos de spray da marca 'Arte Urbana' que inundarão a cidade com cores. Estamos felizes em apoiar e colaborar com essa intervenção artística, que valorizará a cultura urbana e local, por meio da arte e do grafite. Outro tema importante abordado pela curadoria do 'Aquário Urbano' é a preservação do meio ambiente e das águas, ressaltando a importância de olhar para os nossos rios e afluentes", comenta Fábio Pereira, gerente de marketing da Colorgin.

Segundo os envolvidos com o projeto, todos os resíduos como latas de tintas vazias serão reciclados, após a finalização da obra.

Para criar a sensação de imersão nas águas, a iniciativa também contará com uma experiência de realidade virtual. Com a ajuda de aplicativo criado para a ação e uso de óculos 3D, a pessoa pode interagir com a obra, apontando o app para um ponto zero para visualizar sons e movimento dos desenhos.

Aquário Urbano

Grafite de 10 mil m² em SP aborda questões ambientais

/