arrow_backVoltar

#BlameNoMore

Filme quer mostrar como é absurdo culpar vítimas de violência sexual

19.08.19

A TBWA Hunt/Lascaris assina para a revista de hip hop Hype a campanha #BlameNoMore, que visa mostrar o quão absurdo é o fato de muitas pessoas ainda culparem as vítimas em caso de violência sexual e estupro.

Dirigido por Zee Ntuli, da Darling Films, o filme (assista abaixo), protagonizado pela atriz sul-africana Mamarumo Marokane, segue uma mulher que está em uma festa. Ela vai ao banheiro onde ela própria se agride.

"Essencialmente, quando você culpa a vítima, você acusa alguém de ter cometido seu próprio estupro. O vídeo retrata o absurdo moral e lógico de se culpar a vítima. Afinal, que pessoa em sã consciência faria esse tipo de terror consigo mesma?", questiona Peter Khoury, diretor de criação da TBWA Hunt/Lascaris.

#BlameNoMore

Filme quer mostrar como é absurdo culpar vítimas de violência sexual

/