arrow_backVoltar

#FutebolSemPreconceito

Estátua de Pelé usa camisa 24, em criação da Almap contra homofobia

22.01.20

A liga de futebol Champions Ligay, voltada aos jogadores LGBTQ+, apresenta o movimento #FutebolSemPreconceito, que tem o objetivo de lutar contra a homofobia em campo.

Como parte da iniciativa, a estátua de Pelé, em Santos (litoral de São Paulo), foi vestida, na semana passada, com uma camisa da Seleção Brasileira com o número 24 - popularmente relacionado ao homem gay.

O debate sobre esse tipo de preconceito voltou à tona no início do mês, quando o Corinthians apresentou o colombiano Cantillo, que em seu país usava a camisa 24, mas foi orientado a não usar o número por aqui.

"Como qualquer outro indivíduo, uma pessoa LGBTQIA+ gosta de futebol, tem a paixão por seu time e ama esse esporte. Mas, infelizmente, muitos têm o direito de ir ao estádio tolido por um ambiente preconceituoso. E foi pensando nesse padrão de comportamento e em casos de homofobia no futebol brasileiro, que resolvemos fazer a campanha #FutebolSemPreconceito, colocando a camisa 24 na estátua do Pelé", comenta Josué Machado, presidente da Ligay.

A AlmapBBDO assina a criação da intervenção.

#FutebolSemPreconceito

Estátua de Pelé usa camisa 24, em criação da Almap contra homofobia

/