arrow_backVoltar

Greve Global pelo Clima

W+K de Londres vai fechar as portas para participar de movimento

19.09.19

A Wieden+Kennedy de Londres irá fechar seu escritório local e incentivar seus funcionários a tomar as ruas da capital inglesa nesta sexta-feira (20), em apoio à Greve Global pelo Clima, para alertar sobre as mudanças climáticas decorrentes do impacto da poluição.

A agência se juntará a empresas como Patagonia, Lush Cosméticos e Ben & Jerry's, que também não irão funcionar nesta sexta, para que os profissionais possam se juntar aos grevistas.

"A Wieden+Kennedy de Londres fechará as portas para permitir que o maior número possível de pessoas participe da Greve Global pelo Clima", diz a agência, em seu blog. "Esperamos que você entenda. E seria ainda melhor se você se juntasse a nós."

A Greve Global pelo Clima está sendo liderada pela ativista sueca Greta Thunberg e é apoiada por entidades como a Campaign Against Climate Change e pela UK Student Climate Network. A iniciativa ocorre três dias antes de uma reunião da cúpula das Nações Unidas sobre a ação climática, em Nova York.

Mais de 100 agências, independentes e de redes, se uniram para apoiar o movimento, incluindo Publicis, Omnicom, IPG, Cheil e Accenture. O grupo está convidando toda a indústria de publicidade do Reino Unido a apoiar a causa e tirar um tempo do trabalho para que os profissionais possam sair às ruas nesta sexta-feira (20).

Saiba como participar da Greve pelo Clima no Brasil, aqui.

Com Campaign.

Greve Global pelo Clima

W+K de Londres vai fechar as portas para participar de movimento

/