arrow_backVoltar

No Brasil

VMLY&R poderá operar com copresidentes

08.10.18

No final de setembro, o grupo WPP anunciou a fusão da Y&R com a VML, resultando na VMLY&R (leia aqui).

Em todas as regiões em que as duas operações estão presentes, inclusive no Brasil, será negociado, caso a caso, como ficarão definidas as estruturas depois da união, levando-se em consideração lideranças, equipes e conflitos, entre outras questões.

Segundo apurado pelo Clubeonline, no país poderá ser adotado um sistema de copresidência. Atualmente, David Laloum está à frente da Y&R, e Fernando Taralli, da VML.

A ideia do Grupo WPP é que a nova estrutura de comando de todos os escritórios já esteja definida até o início de 2019.

No Brasil

VMLY&R poderá operar com copresidentes

/