arrow_backVoltar

Alfabeto do Samba

Criativos em homenagem aos 100 anos do gênero musical

06.12.16

O redator Diogo Patoilo e o diretor de arte Redson Pereira são os idealizadores do projeto "Alfabeto do Samba", movimento coletivo para homenagear os 100 anos do primeiro samba gravado, a música "Pelo telefone" de Donga e Mauro de Almeida.

Para tanto, ilustradores e artistas foram convidados para retratar grandes nomes da história do samba, por meio da arte, que destaca cantores e compositores como Adoniran Barbosa, Beth Carvalho, Cartola, Martinho da Vila, Noel Rosa, Zeca Pagodinho, além de outros que nem sempre são lembrados.

"Juntando música, arte e coletividade, o objetivo é projetar a cultura do samba para as futuras gerações", comenta Pereira.

A ideia é realizar uma exposição com as obras criadas, além da publicação de um livro com as informações sobre os homenageados e os artistas participantes.

O projeto é uma realização do coletivo COLE.CX e tem parceria com o Museu do Samba e apoio do Ideafixa.

Até o momento, participam do movimento os artistas Arthur Duarte, Anderson Almeida, André Hora, Andy Alves, Anthony Mazza, Bruno Medeiros, Barlavento, Bruno Miranda, Beatriz Mayumi, Carolina Rempto, Cindy Nakashima, Cincoletivo, Caco Bressane, Colletivo, Dois de Nós, Dexter, Elvis Benício, Elvis Mourão, Filipe Altino, Guilherme Kramer, Gabriel Picolo, Glauco Diógenes, Gui Soares, Henrique Petrus, Ivan Bormaister, Ike Motta, Johnny Brito, Jana Glatt, Jasper Simas, Juliana Vomero, Karin Schmyntt, Leandro Ramos, Lucas Wakamatsu, Leandro Lassmar, Mariana Yatsuda, Marconi, Marcio Moreno, Murilo Pascoal, Nak3l, Puhl, Pianofuzz, Pum, Renan Cristian, Renato Cafuzo, Ricardo Faccini, Sapo Lendário, Sandro França, Thales Contri, Thales Molina, Thiago Limón, Um Par, Victor Beuren, Victor Goularte, Willian Santiago, Yumi Shimada e Zhion.

Alfabeto do Samba

Criativos em homenagem aos 100 anos do gênero musical

/