arrow_backVoltar

Guerra das Cervejas

Juiz determina que Bud Light tire de garrafas o texto 'sem xarope de milho'

04.09.19

Um juiz federal ordenou nesta quarta-feira (04) que a Anheuser-Busch InBev retire o texto "sem xarope de milho" das embalagens da Bud Light, outra vitória da MillerCoors em sua batalha legal em andamento com seu maior concorrente.

A decisão do juiz distrital dos EUA William Conley segue uma liminar emitida por ele em maio, ordenando que a Bud Light parasse de exibir peças publicitárias sugerindo que o xarope de milho é o produto final da MillerCoors, em vez de simplesmente ser usado durante o processo de fabricação da cerveja (leia aqui). A nova decisão estende essa liminar à embalagem.

As marcas de cerveja Miller Lite e a Coors Light usam xarope de milho durante o processo de fermentação, mas a MillerCoors alega que nada disso acaba no produto final.

A cervejaria entrou com processo acusando a concorrente de publicidade enganosa em março, logo após a Bud Light lançar sua campanha abordando a questão do xarope de milho, com três comerciais veiculados durante o Super Bowl.

Em maio, o juiz permitiu que esses filmes continuassem a ser veiculados, mas questionou outros que faziam comparações mais diretas com os produtos MillerCoors, incluindo outdoors e anúncios impressos, afirmando que a Bud Light tem "100% menos xarope de milho" que Miller Lite e Coors Light.

O caso maior será julgado, a menos que seja alcançado um acordo.

Embora a embalagem da Bud Light não faça comparações diretas com a Miller Lite ou a Coors Light, o juiz considerou que isso poderia ser interpretado dessa maneira no contexto da campanha maior. "Um júri razoável pode achar que a mensagem implícita da embalagem é que outras cervejas contêm xarope de milho", ele determinou, apontando para "uma campanha de televisão e mídia impressa de cem milhões de dólares sugerindo enganosamente a mesma coisa".

"A decisão de hoje é outra vitória da MillerCoors, mas, mais importante, é outra vitória do público americano contra publicidade enganosa como a da Bud Light", declarou Gavin Hattersley, CEO da MillerCoors, em comunicado. "A campanha da Bud Light foi ruim para o público, ruim para a indústria e contra a lei. Com essa decisão, responsabilizamos a Bud Light por suas ações."

A AB InBev disse em comunicado: "A Bud Light é fabricada sem xarope de milho - pura e simples. Esperamos defender nosso direito de informar os bebedores de cerveja sobre esse fato no julgamento e na apelação. A MillerCoors está resistindo às demandas dos consumidores por transparência nos ingredientes usados ​​para fabricar suas cervejas, mas essas demandas vieram para ficar. Continuaremos liderando esse movimento na indústria cervejeira."

Leia a matéria do AdAge na íntegra, aqui.

Leia anterior sobre o assunto, aqui.

Guerra das Cervejas

Juiz determina que Bud Light tire de garrafas o texto 'sem xarope de milho'

/