arrow_backVoltar

Show da Black Friday

Live do YouTube alcançou + de 5 milhões de pessoas

06.12.19

O YouTube divulgou os números do programa ao vivo que criou para a Black Friday deste ano. A live, que durou cinco horas e envolveu dez canais da plataforma, atingiu mais de cinco milhões de usuários, segundo a companhia. Batizada de Show da Black Friday, a ação foi comandada por Felipe Neto, sócio da Play9, empresa de conteúdo e produção audiovisual que conta ainda com João Pedro Paes Lemes e Marcus Vinícius Freire, que fechou parceria com o Google para lançar o formato.

O Show da Black Friday, uma mistura de entretenimento com a oferta de promoções dentro do espírito da data, foi criado com o objetivo de unir a influência e a criatividade de youtubers, a expertise de produção da Play9 - que teve como aliada na coprodução a Dia Estúdio - e o prestígio de grandes marcas brasileiras em uma ação sem igual dentre todas as estratégias estabelecidas para a Black Friday pelo Google no mundo.

O formato foi encampado pelas seguintes empresas: Americanas.com, Adidas, Carrefour, Etna, Chevrolet e PicPay. Elas compartilharam suas principais ofertas de produtos em categorias que foram de smartphones a carros, de roupas a móveis.

De acordo com o YouTube, 120 mil pessoas estavam aguardando o início da transmissão antes das 21h da quinta-feira, quando a ação deu largada. Cinco minutos após o início da live, os dez canais em conjunto somavam 397 mil usuários conectados. Além do canal de Felipe Neto, o Show da Black Friday foi transmitido nos canais Kondzilla, Nostalgia, Desimpedidos, GIOH, da atriz Giovanna Ewbank, Bruno Correa, Eu Fico Loko, Diva Depressão, Franciny Ehlke e Luci Gonçalves. Juntos, eles superam 130 milhões de inscritos.

O pico de audiência aconteceu aos 35 minutos da transmissão, com 542 mil usuários assistindo ao vivo. Durante o show, Felipe Neto fez uma provocação, dizendo que, se fosse batida a marca de 500 mil pessoas, ele daria um selinho em Felipe Castanhari, criador do canal Nostalgia. Com a meta atingida, os dois protagonizaram uma cena que repercutiu nas redes sociais.

A hashtag #ShowdaBlackFriday foi citada no Twitter mais de 100 mil vezes e postagens sobre assuntos relacionados à live, incluindo “Felipe Neto” e “Live no YouTube”, alcançaram mais de 300 mil menções. A ação ficou na primeira posição entre os trending topics do Twitter no Brasil e em terceiro lugar no mundo. E o total de postagens sobre o programa chegou a 218 milhões de impressões potenciais.

A transmissão ao vivo ajudou as marcas a impulsionarem seus resultados de negócios, pontuou o YouTube. Entre os destaques divulgados pelos parceiros estão:

Adidas - A camiseta usada por Felipe Neto durante a ação esgotou sem sequer ser feita qualquer menção direta ao produto.
Chevrolet - A participação no Show da Black Friday gerou um aumento de 36% em visitas às suas plataformas. A live impulsionou a venda de carros da marca nas concessionárias - durante a sexta, sábado e domingo, a marca vendeu 4,5 mil carros.
Etna - O site teve mais que o dobro de acessos em relação à virada da Black Friday do ano passado.

O Show da Black Friday seguiu o modelo de recentes transmissões ao vivo do YouTube no Brasil, como o Debate Presidencial nas Eleições de 2018 e a Parada LGBTQIA+. Com os números de usuários ligados no programa beirando 500 mil, Felipe Neto chegou a brincar com a frase “chupa, debate”. O influenciador comandou a live com uma série de atividades que lembravam antigos programas de auditório, como o do apresentador Chacrinha. O diretor do programa, que falava constantemente com o youtuber por meio de um ponto, foi João Pedro Paes Leme.

Realizado no YouTube Space Rio, Felipe Neto interagiu com os usuários conectados e também com uma plateia, que por vezes convocava para participar das brincadeiras. Ele ocupou o cenário principal, mas outros estúdios foram usados, como o quarto em que Giovanna Ewbank contracenou com os demais influenciadores. Os móveis e as decorações exibidos no programa eram da Etna.

Leia aqui sobre o planejamento do Show da Black Friday.

Show da Black Friday

Live do YouTube alcançou + de 5 milhões de pessoas

/