arrow_backVoltar

The TED Lover

Nubank cutuca bancos tradicionais com ursinho de pelúcia

02.12.19

A fintech Nubank cutuca os bancos tradicionais que cobram taxa para realizar Transferências Eletrônicas Disponíveis (TEDs) com uma ação, criada pela in-house, pela Nubank CreativeLab.

O banco digital brinca que agora também tem seu próprio "TED cobrado", mas não se trata de uma operação bancária, mas sim de um ursinho de pelúcia homônimo.

O Nubank lança uma edição limitada do brinquedo, vendida por R$ 19,05 - um dos valores mais caros cobrados entre os bancos tradicionais para a realização de TED.

A ideia é destacar que na NuConta as TEDs são gratuitas e ilimitadas.

Para divulgar a iniciativa, a empresa apresenta um filme, "The TED Lover" (assista abaixo) e o hotsite reinventeseuted.com.br.

Ficha Técnica:

Cliente: Nubank
Agência: Nubank CreativeLab
Produtora: Nubank CreativeLab

The TED Lover

Nubank cutuca bancos tradicionais com ursinho de pelúcia

/