arrow_backVoltar

Visa quer mais mulheres no futebol

Empresa expande investimentos no esporte

05.06.19

A poucos dias do início da Copa do Mundo de Futebol Feminino, na França, a Visa revelou que está expandindo seus investimentos no futebol feminino. Patrocinadora do troféu Player of the Match, concedido à melhor jogadora de cada partida do Mundial, a empresa apresentou reforços para o elenco global de atletas do Team Visa e anunciou contrato de patrocínio de cinco anos com a Federação Americana de Futebol, apoiando a seleção americana até 2023.

O esporte oferece uma oportunidade imensa para as mulheres correrem atrás de seus sonhos, dentro e fora de campo”, diz Lynne Biggar, diretora de marketing e comunicação da Visa, em comunicado. “As mulheres respondem pela maior parte das compras dos consumidores e fundam milhões de pequenas empresas todos os anos. Ao fazer um investimento substancial em iniciativas voltadas à mulher, incluindo o futebol, a Visa está celebrando essa força global poderosa”.

Além do apoio à seleção americana de futebol feminino, a Visa tem parceria com o Campeonato Europeu de Futebol Feminino da Uefa e com a Fifa. Com a federação, o acordo - já longevo - abrange eventos como a Copa do Mundo de Futebol Feminino e os Mundiais Femininos nas categorias Sub-20 e Sub-17 .

A companhia anunciou ainda o patrocínio da She Believes Cup, torneio internacional anual disputado por quatro seleções femininas nos Estados Unidos. Ele foi realizado pela primeira vez na fase preparatória para a Copa de Futebol Feminino do Canadá, em 2015. O torneio se baseia na She Believes, iniciativa da Federação Americana de Futebol para inspirar meninas e mulheres a realizar suas metas e sonhos. O contrato entre a Federação Americana de Futebol e a Visa foi facilitado pela Soccer United Marketing (SUM), entidade parceira da Federação Americana de Futebol há 15 anos.

Em maio, a Visa lançou a campanha global "One Moment Can Change The Game", criação da Saatchi & Saatchi que teve o foco de elevar a mulher nos esportes. O filme é inspirado em histórias de jogadoras que fazem parte do Team Visa, como a inglesa Lucy Bronze, a francesa Eugenie Le Sommer e a dinamarquesa Nadia Nadim. Outra novidade do anúncio da Visa se refere ao próprio Team Visa, que terá 18 novas jogadoras de futebol. Com esse movimento, o time ganha o reforço de atletas de 16 nacionalidades.

O futebol está vinculado também a outra área que tem atraído atenção da marca. Na abertura da Copa do Mundo, na sexta-feira, 07, a Visa promoverá a final de uma competição global realizada para celebrar empreendedoras que estão fazendo progressos em fintechs e gerando impacto social. É o Visa Everywhere Initiative: Women’s Global Edition. Doze finalistas, de seis regiões, vão apresentar suas soluções e disputar o grande prêmio de US$ 100 mil por desafio.

Visa quer mais mulheres no futebol

Empresa expande investimentos no esporte

/