arrow_backVoltar

Festival do Clube 2019

Tendências urbanas: da fazenda vertical ao lixo zero

20.09.19

De onde vem a comida que degustamos naquele restaurante super hype? Para onde vão os restos, depois que a gente paga a conta e vai embora? E as embalagens, os descartáveis e mais tudo o que sobra de um dia inteiro de cozinha funcionando a todo vapor? A destinação do lixo é um dos aspectos que serão discutidos no painel “Tendências e mudanças urbanas”, no domingo, segundo dia do Festival do Clube de Criação 2019, que vai tratar da transformação da vida nas cidades.

No Brasil, não conseguimos nem dar conta da demanda de resíduos sólidos urbanos e seu encaminhamento correto. Quer dizer, as pessoas ainda não aprenderam nem a encaminhar o lixo da forma certa”, lamenta a geógrafa Livia Humaire, que criou em São Paulo a primeira loja “desperdício zero” do país, a Mapeei - Uma Vida sem Plástico.

Para ela, há pouco empenho das empresas em tratar dessa questão porque não gostam de admitir o prejuízo que diversos tipos de produtos e embalagens causam ao meio ambiente. “Essa informação é fundamental para ativarmos o consumo consciente real”, afirma Livia, que terá no debate as companhias de Chiara Gadaleta, fundadora do Movimento Ecoera e apresentadora do programa “Menos é Demais”; Geraldo Maia, CEO da Pink Farms; e Marcelo Loureiro, vice-presidente global de comunidades da Grow Mobility, mais o moderador Raphael Barreto, sócio e diretor de estratégia da ForAll.

Por ser um elemento central na vida de qualquer pessoa, o alimento é um bom ponto de partida para abordar o tema da sustentabilidade nas grandes cidades. É nelas que ganha corpo a tendência de mudança no perfil de consumo desses produtos. Cada vez mais gente se interessa em saber como os alimentos foram produzidos, por onde passaram, como foram embalados.

Temos vários problemas na cadeia produtiva, da baixa qualidade dos produtos aos custos logísticos, passando por altas perdas, agrotóxicos e impactos ambientais dos cultivos tradicionais. Coisas que podem ser solucionadas com sistemas de cultivo instalados nos próprios centros de consumo”, analisa o engenheiro Geraldo Maia.

Com mais dois sócios, Geraldo criou a Pink Farms, fazenda vertical instalada em um galpão na Vila Leopoldina, em plena zona Oeste da capital paulista. Ali os vegetais são cultivados em torres, sem aplicação de agrotóxicos e com economia de 95% da água que seria utilizada numa plantação convencional. A proposta da startup, que recebeu aporte de capital de dois fundos de investimento no ano passado, é revolucionar a produção e o consumo de alimentos perecíveis nas cidades.

Vivemos em uma época de transição, portanto, as mudanças são inevitáveis. Para que elas estejam alinhadas às necessidades de hoje, precisamos de união, de conversas, discussões, debates e de muita empatia. Sustentabilidade é um tema fundamental para entender o que está acontecendo nos grandes centros e imaginar onde queremos chegar, e como”, resume Chiara Gadaleta.

Criado em 2008, o Movimento Ecoera tem como desafio integrar os mercados de moda, beleza e design às questões sociais e ambientais. Atualmente, Chiara apresenta o programa “Menos é demais”, no Discovery Channel, e está à frente do coletivo de empresas A Moda pela Água, que incentiva o uso responsável dos recursos hídricos pela indústria.

A questão ambiental é um problema de todos, lembra Livia, e a solução deve ser pensada de forma sistêmica. Mas não adianta pensar só no macro, cada um tem que fazer a sua parte. “Temos de agir também no micro, na dimensão individual. É preciso que todos entendam o quanto nossas escolhas impactam o ambiente e constroem territórios”, alerta a geógrafa. E você, já economizou na água do banho, hoje?

Leia também: “O que vamos fazer com tanto plástico

Veja a programação completa do Festival do Clube de Criação 2019.

Serviço


Festival do Clube de Criação
Setembro, 21, 22 e 23 - 2019 - sábado, domingo e segunda-feira
Local: Cinemateca Brasileira - São Paulo - Brasil
Largo Senador Raul Cardoso, 207, Vila Clementino
Ingressos à venda (aqui). Garanta já o seu.
Hosted by: 
Clube de Criação
55 11 3034-3021
Facebook Clube de Criação
Twitter - @CCSPOficial
Instagram - @ClubedeCriacao
Teremos serviço de shuttle para quem quiser estacionar no Hotel Pullman Ibirapuera
Horário
: das 08h30 às 22h30
Trajeto: Pullman / Cinemateca / Pullman
Abertura dos portões e do credenciamento: sábado, domingo e segunda às 9h

Festival do Clube 2019

Tendências urbanas: da fazenda vertical ao lixo zero

/