Esqueceu sua senha?

Insira o e-mail cadastrado que enviaremos as instruções

Quer receber as notícias do
Clubeonline em primeira mão?

Seu nome deve conter ao menos 2 caracteres. Quero receber informações de terceiros ENVIAR Quero ver a última edição

Enviar por email

Seu nome deve conter ao menos 2 caracteres. O nome do destinatário deve conter ao menos 2 caracteres. Digite um email válido. ENVIAR

Site oficial do
Clube de Criação

SITE OFICIAL DO
CLUBE DE CRIAÇÃO

Acesso exclusivo para
sócios corporativos:
Esqueci minha senha
Ainda não é cadastrado?
Seja Sócio do Clube de Criação

O CLUBE

LOJA

NEWSLETTER

Últimas

por Laís Prado

O Espaço é Seu

O Espaço é Seu

Segurança no set de filmagem (Carlos Grübber)

08
fevereiro
2018



Segurança. Algo que buscamos em todas as fases e circunstâncias de nossas vidas. Segurança emocional, financeira, familiar. Segurança virtual. Quem não teme uma invasão na vida que guarda em computadores e smartphones?

Mas como temos olhado para a segurança no trabalho? Local ou ambiente ao qual dedicamos inúmeras horas de nossas vidas, dias e dias a fio. Muitas vezes, vemos pequenas normas de segurança sendo esquecidas, ou melhor, engolidas pela correria e exigência por rapidez e eficiência. Por orçamentos mais enxutos - por mais cruel que isso possa parecer.

A sensação é de que vivemos para bater recordes. Corremos o tempo todo contra o tempo e muitas vezes deixamos de lado algo que, de fato, pode nos garantir mais tempo. De vida: a segurança. Temos dedicado tempo suficiente para cuidar da nossa segurança nos sets de filmagem?

Pela natureza de nossa área de atuação, estaremos sempre em contato com ambientes e equipamentos distintos, novos ou velhos, modernos ou ultrapassados - que podem se tornar retrô ou serem necessários por algum motivo. Haverá sempre um jeito de fazer diferente: uma nova posição de equipamento, um novo truque para se chegar ao resultado desejado, uma descoberta nunca antes explorada. É importante, enriquecedor e saudável que seja assim. O que não significa que o maior e mais importante bem que se tem num ambiente de filmagens deixe de ser as pessoas. E que suas vidas possam, para isso ou por qualquer outro motivo, estar em risco.

Segurança não significa deixar de ousar. Pelo contrário, é ela que nos permite inovar. A segurança pessoal. Cuidados básicos. Acidentes, infelizmente acontecem. Mas não podemos deixar que sejam por falta de segurança no trabalho.

A Domo se preocupa muito com isso e sabe que cada detalhe pode fazer a diferença. Damos atenção especial à segurança, não como diferencial, mas porque acreditamos que essa é nossa responsabilidade. Nossa obrigação. Por isso, apoiamos e patrocinamos o 1º Seminário de Segurança em Filmagens, que aconteceu no final de 2017, em São Paulo, organizado pelo Sindicato dos Trabalhadores na Indústria Cinematográfica e do Audiovisual (Sindicine). Foram dois dias de encontros de profissionais ligados ao cinema e à publicidade discutindo a conceituação do risco, as condutas necessárias em um momento de risco e como evitá-lo. Discutimos os aspectos legais, a responsabilidade civil, criminal, as contratações dos profissionais. O seguro da equipe e o seguro do equipamento, entre tantas outras coisas.

Infelizmente, esse seminário surgiu após dois técnicos de cinema terem sido eletrocutados durante uma filmagem, em São Paulo, em agosto último. Um deles morreu na hora e o outro teve ferimentos graves dos quais ainda se recupera. Mas é responsabilidade de cada um de nós, em nossas empresas, equipes, atuações, não deixar que o tema seja esquecido. Temos que ser vigias de nós mesmos. Temos que estar atentos a cada detalhe. O fato de “nunca ter acontecido nada e sempre ter sido feito assim” precisa acabar agora.

São muitos os aspectos que envolvem a segurança no ambiente de trabalho. Muita coisa a ser discutida e considerada. Por isso, a Domo vai se manter envolvida em tudo o que for benéfico para garantir um mercado mais seguro e consciente. Acreditamos que somente com um processo de contínuo estudo, cuidado e vigilância, conseguiremos alcançar um patamar melhor e mais seguro para toda a industria cinematográfica brasileira.

E vamos lutar por isso.

Carlos Grübber, sócio e produtor da Domo Produções